05/05/2013

Se hoje eu pudesse me mostrar em uma definição...


Se hoje eu pudesse me mostrar em uma definição...eu seria meu coração. 
Meu coração que é vermelho...amarelo...quer dizer: que é colorido...que tem uma costura feita com pontos apertados...que tem um sorriso disfarçado...que não obedece ao ritmo da sístole e diástole...que se enche e esvazia...que se doa e se transforma...que se descobre e se esconde e que tem um não sei quê...que se eu não sei...eu não posso definir...mas o que eu acho é que é o tamanho...tamanho pequeno como criança...tamanho grande como é a vida.

Amara Mourige

8 comentários:

  1. Lindo texto, linda definição! beijos,tudo de bom,chica e que a semana seja muito legal!

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Amara
    Meu coração também já se partiu... emendou-se... hoje em dia: vive!!! É a vida!!!
    Que o seu esteja feliz!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  3. oi Amara,que texto lindo...pois eu acho que o coração é mesmo assim...e esse é o tamanho perfeito pra "ele"...

    grata pela visita...


    bjo grd!

    Zil

    ResponderExcluir
  4. Belo texto e image, parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Que texto Lindo!O coração é assim se enchendo ... esvaziando ...se doando ...amando.Beijos no coração

    ResponderExcluir
  6. Oi Amara! Minha querida amiga.
    Mãe,
    Você merece atenção, carinho, cuidado e muito amor. Hoje mais um motivo para celebrar, agradecer e te homenagear. Parabéns pelo teu dia! Um feliz dia das mães recheado de amor, abraços e muitos beijinhos.
    Deixei um mimo pra lhe homenagear na postagem de hoje do gracita mensagens. http://gracitamensagens.blogspot.com.br/2013/05/colo-de-mae.html
    Beijos com meu carinho e minha amizade
    Gracita

    ResponderExcluir