05/12/2010

As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido. Fernando Pessoa


Fernando Pessoa
Dia 30 de novembro fez 75 anos de sua morte,
minha homenagem
 Fernando Pessoa morreu há 75 anos, mas a obra continua a suscitar interesse, sobretudo no estrangeiro. Em França, o "Livro do desassossego" já vendeu 185.000 cópias e a palavra "intranquilité" ("desassossego") vai entrar  no dicionário da Academia da Língua Francesa.
Ana Vitória

Fernando António Nogueira Pessoa (1888-1935, Lisboa), poeta e escritor português. Pessoa é considerado junto de Luís Vaz de Camões um dos mais importantes poetas de língua portuguesa.

Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

                     Amara Mourige

Um comentário:

  1. Gostei...; do blog todo também. Parabéns!!!!

    ResponderExcluir